Artistas e marcas: parcerias que marcaram gerações

Ter o poder de fazer o olho das pessoas brilharem e mexer com suas emoções através de uma campanha é o que está causando a união de marcas e artistas cada vez mais, e isso acontece devido a disputa incessante por um espaço maior na mente e no coração dos consumidores. Essas parcerias são capazes de criar experiências inesquecíveis para fãs, clientes e possíveis compradores.

Com certeza você deve lembrar de alguma campanha que envolveu algum show ou evento musical que marcou história. Isso porque promoveu a proximidade e interação de fãs e seus artistas favoritos. Essa lembrança da marca e da banda ou artista acontece de forma automática. Isto porque a escolha da personalidade pública é feita para complementar as características e valores da marca. Essas experiências conseguem atrair fãs, que também são consumidores, e os envolve de tal forma que os permite viver uma realidade que não é a sua.

Esse tipo de ação consegue tomar proporções maiores do que as desejadas. Podendo até viralizar devido a sua divulgação orgânica, impactando o cliente nas mais diversas mídias. Quando isso acontece, a percepção sobre o valor que a marca possui é elevada. O que acaba melhorando a lembrança e a preferência em relação as demais marcas do mercado.

Já pensou se todas as marcas usassem música em suas campanhas e no dia a dia de sua empresa? As experiências seriam potencializadas e as relações entre marcas e clientes seriam muito mais profundas. Afinal, música transforma, conecta e gera resultados.

Tudo o que é bom deve ser lembrado, não é mesmo? Então, vamos falar das parcerias que marcaram a vida de várias pessoas.

Pepsi

A primeira grande parceria que vamos lembrar acontece entre a Pepsi e músicos mundialmente conhecidos, no show de intervalo do Super Bowl, a partida da NFL (National Football League) que decide quem será o campeão da temporada de futebol americano. O tempo de intervalo da partida pode parecer pouco para nós, mas é mais que necessário para que os artistas possam fazer história. O objetivo da marca é poder proporcionar a proximidade de fãs e seus ídolos e a apresentação pode ser vista por milhões de telespectadores. Não é à toa, que muitos desses cantores e bandas consideram esse show um dos mais importantes de suas carreiras.

Como sua tradição é convidar artistas de peso, em 2007 o convidado foi nada mais, nada menos que Prince, que fez uma multidão cantar o seu sucesso “ Purple Rain”. O resultado foi um show repleto de swing e muita música boa, mesmo embaixo de chuva. Dá só uma olhada:

Essa ideia usar música e artistas, não serve apenas para live shows. Prova disso é outra parceria que aconteceu em 2004, mas que repercute até hoje. No comercial “We Will Rock You”, a Pepsi teve a ideia genial de usar a música mundialmente conhecida da banda Queen interpretada por três divas do pop, Pink, Beyoncé e Britney Spears. As cantoras se transformaram em gladiadoras e tinham como obrigação lutarem entre si, mas ao invés disso, usaram suas vozes para causar comoção dentro e fora das telinhas.

Coca-cola

Em 2007/2008 é bem provável que você tenha ouvido alguma notícia sobre o “Estúdio Coca-Cola”. A marca que sempre busca inovar e realizar parcerias inesperadas, fez uma campanha que era transmitida todo último domingo do mês na MTV. Onde juntou artistas de estilos e tribos diferentes e proporcionou aos fãs a experiência de assistirem shows jamais vistos antes. Como exemplo, Fresno e Chitãozinho e Xororó, Babado novo e CPM 22, Negra Li e Pitty, Armandinho e Nx Zero, Paralamas do Sucesso e Calypso, Lenine e Marcelo D2 e o show de Charlie Brown Jr. e Vanessa da Mata.

Ainda nessa vibe de misturas diferentes, outra campanha que teve um alto nível de engajamento foi a promoção “Coca-Cola Fan Feat”, do começo do ano. A marca colocou os rostos de artistas como Anitta, Luan Santana, Ludmilla, Pabllo Vittar e trechos de suas músicas nas latas. Além disso, pediu para que os consumidores/fãs, votassem nos seus cantores favoritos, e os mais votados fariam uma música juntos. A campanha foi um sucesso absoluto, ultrapassou as expectativas da marca e o clipe de “Hasta La Vista” já foi assistido mais de 9 milhões de vezes.

Itaú

Para finalizar, temos duas campanhas realizadas pelo banco Itaú junto com o Rock in Rio. O objetivo era levar pessoas que estivem transitando pela cidade do Rio de Janeiro a um dos festivais mais badalados do mundo.

A primeira em 2013, teve como tema “Incentivar a música #issomudaomundo”. Todas as vezes que um pessoa contribuía com algum valor simbólico, o artista retribuía o incentivo com a devolução do valor e um par de ingressos para o festival.

Vendo o retorno gerado na primeira ação promocional, o banco resolveu investir no poder da música novamente. Em 2015 realizou a campanha “Viver a Música #issomudaomundo”, onde um caixa eletrônico foi transformado em karaokê ao ar livre. A instalação ficou nas praias de Copacabana, Arpoador e no Largo da Carioca. As pessoas que não tiveram vergonha e toparam soltar a voz cantando o sucesso “Love Of My Life”, da banda Queen ganharam ingressos para assistirem aos shows na Cidade do Rock.

 

Sign in to post your comment or sign-up if you don't have any account.

Leave a Comment